Pesquisar

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Se beber, não esqueça da água!

Para os foliões que estão ansiosos para os tão esperados dias de carnaval, uma dica:

Se você gosta de bebidas alcoólicas, beba água entre uma "birita" e outra.

A cerveja, a vodca, a caipirinha e todas as demais bebidas com álcool fazem a gente fazer mais xixi. Ou seja, a gente vai desidratando, perdendo água. E corpo sem água não funciona! A gente precisa de água para a pressão continuar normal, para o coração continuar batendo, para o cérebro continuar funcionando, para o sistema digestivo continuar digerindo os alimentos_ começando na produção de saliva na boca!

Então, curtam afesta e não se esqueçam da garrafa d'água! Ela é essencial para começar e terminar bem o carnaval! Divirtam-se! :D

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Café com ou sem cafeína?

Não é a primeira vez que eu falo sobre café aqui. Já divaguei sobre cafeteria , já sugeri acompanhamentos para o café, já contei causos e até fiz poesia! Toda essa dedicação porque eu adoro café! Não só pelo sabor, efeito estimulante, aroma enebriante, mas também por ter uma importância histórica, social e cultural, sendo apreciado no mundo inteiro.
Mas mesmo diante de tantos atrativos, muita gente não bebe café por causa da cafeína_ substância encontrada na bebida que tem ação estimulante, aumentando a atenção, acelerando os batimentos cardíacos e proporcionando um sensação de prazer. Por conta dessas características, acabamos bebendo o café todos os dias e alguns podem se tornar dependentes da bebida, aumentando cada vez mais a quantidade ingerida.
Para contornar os problemas que a cafeína pode causar, sugiro o café descafeínado que muitos acham que é insosso e sem gosto de café de verdade_ sem ao menos terem provado! O processo industrial de extração da cafeína é bastante eficaz, eliminando cerca de 99% dessa substância do grão do café. Eu mesma faço um descafeínado quando quero beber café mais tarde ou quando estou muito agitada. O sabor é de café comum, não há nada de estranho nele a não ser a falta do efeito-cafeína. Para os apreciadores do sabor do café que não querem perder o sono, está aí uma boa pedida.
Outra sugestão é fazer uma mistura para reduzir a quantidade de cafeína. Quando estou muito agitada, faço o café com 1 parte de pó com cafeína e 2 partes de pó sem cafeína. E vou alterando as quantidades a medida que preciso de mais ou menos cafeína. Como sou sensível a essa substância, a mistura é muito útil para eu dar uma acordada, sem ficar acelerada.
E atenção! A cafeína e substâncias similires com efeito estimulante não estão presentes só no café, mas também nos refrigerantes (adicionados de cafeína para provocarem vício e aumentar o consumo), no chocolate, no chá preto, na noz moscada, nas bebidas energéticas e no mate.


Enfim, com cafeína ou sem cafeína, o café é uma delícia! Degustem e sejam felizes!